domingo, 26 de junho de 2011

Fundo Lwini privatiza Lar Kuzola


Fundo Lwini organização dirigida pela primeira dama de Angola, Ana Paula dos Santos, é apontada como a futura proprietária do Lar Kuzola.

Kuzola que é até aos dias de hoje dirigida por uma equipa cristão católicas, foram informadas pela vice-governadora de Luanda, Juvelina Imperial sobre a possível privatização a favor da Fundação Lwini.

Lar Kuzola que tem uma capacidade para 180 crianças, alberga actualmente 300 petizes, entre os quais órfãos e deficientes.

Fundo Lwini foi fundada em aos 30 de Junho de 1998 constitui uma pessoa colectiva de direito privado sem fins lucrativos e de interesse geral, dotada de personalidade jurídica.

O Fundo LWINI é uma instituição de solidariedade social que tem por objecto social o angariamento de fundos e a execução de acções de apoio ás vítimas civis de minas terrestres. Com seguinte direção ORGÃOS SOCIAIS

Presidente da Fundação LWINI
Drª Ana Paula dos Santos
Vice-Presidente da Fundação LWINI
Joana Lina Ramos Baptista

CONSELHO DE CURADORES
Presidente: Drª Ana Paula dos Santos
Vice-Presidente: Joana Lina Ramos Baptista
Secretária do Conselho: Ana Edite Monteiro (Curadora)

ASSEMBLEIA GERAL (MESA)
Presidente: Drª Ana Paula dos Santos
Vice-Presidente: Ana Maria Guimarães (Curadora)
Secretária da mesa: Ana Paula C. Victor (Curadora)

CONSELHO FISCAL
Presidente: UNICARGAS (Rep. Abel Cosme)
1ª Vogal: Manuela Ceita Carneiro (Curadora)
2ª Vogal: Graça Pitra (Curadora)
Suplente: Manuela M. Elsa de Fátima Alonso da Palma (Curadora)
Suplente: DENERGIA (Rep. David Matos)

DIRECÇÃO EXECUTIVA
Alfredo Monteiro Ferreira Jr (Curador)

Angola24horas.com/fundo Lwini