sexta-feira, 10 de junho de 2011

Padre admite: parte dos bispos vendeu-se!!


Luanda - “(...) nem todos bispos são comprados.” Escreve o frei Luzolo. Se nem todos significa que alguns estão comprados. E continua reforçando a assertiva com outra frase: “É sabido que alguns membros do episcopado de Angola são do MPLA, mas não se pode afirmar categoricamente que todo episcopado seja comparado pelo regime vigente do MPLA”.

Fonte: Club-k.net

Estas frases foram escritas em virtude da notícia que o Club K apresentou sob o título “Igreja Católica continua à perseguir Domingos da Cruz”. O comentário do Frei Luzolo chama-se “Limites da liberdade”, foi postado no CK as 13:33 do dia 09-06-2011.

“A igreja tem uma história prenhe de anátemas, revanchismo, eliminação física dos seus próprios membros. Há quem pensa que a inquisição é apenas uma reminiscência medieval. Ledo engano.

A inquição não terminou ainda; hoje está mais sofisticada, mas muito atuante. Tudo é feito em nome de DEUS e da integridade da fé dos costumes. A igreja instituição nunca hesitou em destruir o homem quando os seus interesses estão em causa. O PODER E O DINHEIRO são os dois pilares que sustentam toda essa máquina deletéria.

As intrigas palacianas e as rivalidades entre os seus dignitários são prato do dia-a-dia. [A igreja] é um dos exemplos mais sombrios das linhas que o demônio tece dentro dos muros...”, escreve o padre Paulo Balazaba na edição 1050 do Folha8(04-06-2001).