terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Baixos salários provocam fuga de quadros no BNI




Lisboa -  De acordo com constatações, o Banco de Negócios Internacional, S.A – BNI esta registrar fuga de quadros. Isto é, em cada semana, um ou dois   funcionários desta  instituição  remetem aos recursos humanos da empresa carta  declarando o seu abandono.
Fonte: Club-k.net
Piores salários  no mercado
O fenômeno é associado a fama que o BNI tem de ser o banco privado em Angola com  as piores tabelas salariais no  mercado. 

O assunto,  aparenta ser já antigo.  Em fevereiro de 2011, funcionários deste banco na província de Benguela reclamaram que estariam a auferir cerca de  45 mil Kuanzas  mensalmente ao qual alegavam não  chegar para cobrir as necessidades primarias (alimentação, água, energia e arrendamentos das residências em que habitam), para além do pagamento das propinas escolares. Sabe-se que deste então, a direção do banco nunca procurou resolver o problema, apesar de promessas não cumpridas.  

Alega-se que um funcionário de balcão no BNI aufere menos de 500 dólares americanos mensais,  ao contrario do  Banco de Fomento de Angola que na mesma categoria    paga perto de USD 800. No Banco BAI ganham perto de USD 1100.