Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

terça-feira, 22 de maio de 2012

Mediateca do BCI em Maputo. Livro “Maputo - Património Arquitectónico” é lançado hoje


São autores João Sousa Morais, Luís Lange e Joana Bastos Malheiro. O acto marcará igualmente a inauguração da Exposição Fotográfica com o mesmo nome

Maputo (Canalmoz) – A Mediateca do BCI – Espaço Joaquim Chissano, acolhe hoje, 22 de Maio, a cerimónia de lançamento do Livro “Maputo - Património Arquitectónico” dos autores João Sousa Morais, Luís Lange e Joana Bastos Malheiro. O acto marcará igualmente a inauguração da Exposição Fotográfica com o mesmo nome.
O livro, prefaciado por João Sousa Morais, é composto por 229 páginas, numa edição bilingue – Português/Inglês - que reúne uma variedade de imagens fotográficas que ilustram a diversidade e a
riqueza do património urbano e arquitectónico da Cidade de Maputo, palco privilegiado de vários tempos de construção que deixaram, cada um, as suas marcas, refere um comunicado da Mediateca do BCI enviado à nossa Redacção.
A obra é recheada de valiosas informações históricas, retiradas, em grande medida, de estudos já anteriormente publicados sobre a matéria, nomeadamente “Maputo, Património da Estrutura e Forma
Urbana Topologia do Lugar” (Editora Livros Horizonte, Lisboa, 2001) e “Inventário do Património Edificado da Cidade de Maputo, Catálogo de Edifícios e Conjuntos Urbanos Propostas para Classificação” (publicado em 2010 pela Faculdade de Arquitectura e Planeamento Físico da UEM, em Maputo).
A Exposição Fotográfica será composta por 17 fotografias que fazem parte do livro e estará patente de 22 a 28 de Maio, com entrada Livre.
A edição em Moçambique deste livro tem a chancela da Caleidoscópio - Edição e Artes Gráficas, de Portugal, e é patrocinada pelo BCI no âmbito da sua Política de Responsabilidade Social, representando, desta forma, um contributo valioso para o conhecimento da história e do património arquitetónico e urbanistico da Cidade de Maputo, que celebra neste ano 125 anos da sua elevação à categoria de cidade.
Os autores são: João Sousa Morais: arquitecto, Professor Catedrático da Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica
de Lisboa, investigador e conferencista, é autor de vários estudos nas áreas de Planeamento Urbanístico e Arquitectura;
Luís Lage: arquitecto e Planeador Físico, Professor da Faculdade de Arquitectura e Planeamento Físico da Universidade Eduardo Mondlane (UEM) onde exerce, desde 2009, as funções de Director da Faculdade. É coautor de vários estudos na sua especialidade.
Joana Bastos Malheiro: arquitecta doutoranda da Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa, é actualmente fotojornalista freelancer e fotógrafa de arquitectura. (Redacção)
Imagem: noticias.sapo.mz