Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Vídeo: ondas sonoras fazem gotas d’água levitarem


Já ouviu falar de levitação acústica? A levitação acústica utiliza o som que viaja por um fluido para contrapor a força da gravidade.
Na Terra, isso pode fazer que objetos e materiais pairem no ar, sem nenhum tipo de suporte. Já no espaço, esse fenômeno pode manter objetos no seu lugar, sem que eles vaguem por aí (por causa da ausência de gravidade).
Ou seja, o processo tem muito a ver com o som (ondas sonoras), a gravidade e o ar.
Normalmente, não pensamos no som como capaz de “mover” coisas, ou como algo que podemos tocar. Mas lembre-se de um carro com um som potente, por exemplo. Ele lança uma vibração muito poderosa, não? Até pode disparar alarmes de outros carros, etc.
No vídeo abaixo, as ondas sonoras estão sendo usados para fazer gotas de água levitaram, no processo conhecido como levitação acústica.
Para manter as gotas de líquido no ar, o dispositivo do vídeo (um levitador acústico, que possui um transdutor e um refletor) utiliza um zumbido (som) acima da gama de audição humana. As bolas de líquido ficam suspensas por conta das duas colunas que projetam o som em direções opostas, contrariando a força da gravidade.
E a tecnologia não serve apenas para brincar de levitar água. Originalmente, a NASA desenvolveu o dispositivo para simular a microgravidade. Agora, pesquisadores o estão utilizando como uma forma de evaporar compostos de drogas no ar para que eles assumam uma forma química mais potente do que formariam em um recipiente.
Quer saber mais sobre a física da levitação acústica? Clique aqui.[DiscoverMagazine, UOL]
Assista ao vídeo aqui