Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

sexta-feira, 20 de abril de 2012

BCI renova o apoio à Feira do Livro de Maputo


Maputo (Canalmoz) - O BCI é o patrocinador exclusivo da 3ª Edição da Feira do Livro Maputo 2012, a realizar-se nos dias 20, 21 e 22 de Abril , no recinto da FEIMA , em Maputo.
A 3ª Edição da Feira do Livro de Maputo é organizada pelo Grupo Culturando, constituído pelos Directores de alguns Centros Culturais representados em Maputo, nomeadamenteBritish Council, Centro Cultural Americano, Centro Cultural Brasil-Moçambique (CCBM), Centro Cultural Franco-Moçambicano (CCFM), Instituto Camões-Centro Cultural Português (IC-CCP), Instituto Cultural Moçambique-Alemanha (ICMA), bem como representações culturais das Embaixadas de Bélgica, Espanha, Itália e Suíça, e Fundo Bibliográfico de Língua Portuguesa (FBLP). Conta, igualmente, com o Alto Patrocínio do Conselho Municipal de Maputo e do Instituto Nacional do Livro e do Disco (INLD) e é produzida pela Naturalmente-Marketing Social.
A presente edição deste evento tem a particularidade de enquadrar-se nas comemorações dos 125 Anos da Cidade de Maputo.
À semelhança das edições anteriores, a Feira do Livro de Maputo tem como principais objectivos comemorar o Dia Mundial do Livro, promover o gosto pela leitura, estimular e facilitar o acesso à aquisição de livros a preços promocionais.
Este evento contará com as presenças de alguns escritores internacionais, tais como Nii Parkes, poeta/escritor do Reino Unido, Chris McIvor, um escritor britânico originário da Escócia, e da brasileira Lúcia Rosa.
As actividades previstas para este evento incluem o lançamento de 12 livros, 2 debates alargados com autores nacionais e uma exposição de texto / fotografia sobre a história dos 125 anos da Cidade de Maputo. Haverá espaço dedicado a uma homenagem ao Ano de Jorge Amado.
O BCI apoia esta iniciativa desde a 1ª Edição, no âmbito da sua Política de Responsabilidade Social, como contributo para estimular o acesso dos cidadãos à leitura a um custo mais acessível. Este apoio demonstra, uma vez, mais o compromisso do Banco com o desenvolvimento da Educação e da Cultura em Moçambique e complementa outras acções neste âmbito como, por exemplo, a disponibilização de duas Mediatecas - em Maputo e na Beira; o patrocínio à edição de livros ou lançamento de obras, por jovens autores ou por autores consagrados; a oferta de livros à rede pública de Bibliotecas e a parceria com a Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO) na atribuição de 2 importantes prémios literários: um para jovens autores e outro para a melhor obra literária editada anualmente em Moçambique por autores moçambicanos (“Prémio BCI de Literatura”). (Redacção)
Imagem: ... realização da IIª edição da Grande Feira do Livro de Maputo (IIª GFLM).
literatas.blogs.sapo.mz