Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

domingo, 29 de abril de 2012

(Para rir) Informático numa ilha deserta



Um INFORMÁTICO está numa ilha deserta há anos, depois de um naufrágio. Certo dia avista um ponto brilhante no horizonte e começa a segui-lo com o olhar.
‘Não é um navio’, pensa o nosso herói….E o ponto aproxima-se.
‘Não é uma barcaça’… E cada vez o vulto estava mais perto!
‘Não é uma jangada!…
E eis que das águas emerge uma loiraça, com fato de mergulho!
A loiraça dirige-se a ele e pergunta:
– Há quanto tempo não fumas um cigarro?
– Há 10 anos!
Então, Ela abre um bolso interior do seu fato impermeável e dá-lhe um cigarro.
– Meu Deus, que bem que isto me está a saber! … Diz o nosso náufrago.
– Há quanto tempo não bebes um whisky?… Pergunta a loiraça
– Há pelo menos 10 anos!!!…responde o nosso herói, ainda atarantado.
Então ela abre outro bolso interior, tira uma garrafinha de whisky e dá-lha!
O homem bebe tudo de um trago, ainda descrente com o que lhe estava a acontecer, mas muito, muito feliz!!!
Vendo tanta alegria a loiraça entusiasma-se e começa a baixar o fecho principal do fato e pergunta-lhe:
– E há quanto tempo é que não te divertes a sério?…
Vai o nosso homem e grita, louco de felicidade:
– EPÁ!!!
TU não me digas que tens aí um portátil?!… !!!…
http://pararir.com/informatico-numa-ilha-deserta/