Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

A menina Kianda já dança na "Casa do Zouk"


Luanda – A administradora municipal de Belas, Joana Quintas, inaugurou no passado dia 09 do corrente, um espaço cultural denominada "Casa do Zouk" de Angola, localizada no distrito de Benfica. A cerimónia foi testemunhada, e apadrinhada, pelo criador do estilo musical e fundador da banda antilhana KASSAV, Pierre Edouard Décimus. O recinto é o único da capital angolana, quiçá do país, onde agora se pode ouvir sem qualquer sobressalto este estilo musical.

Fonte: Club-k.net
Na altura, Pierre Décimus aproveitou a oportunidade para oferecer à Casa do Zouk de Angola o primeiro disco de platina ganho em 2001 pelo grupo Kassav, pela venda de mais de 500 mil cópias do álbum “magestic zouk”. Após a inauguração foi ainda precedida da assinatura pelos músicos antilhanos do livro de honra da Casa do Zouk.
Para abertura da Casa do Zouk, escalaram igualmente Luanda os músicos antilhanos Jacob Desvarieux (guitarrista, vocalista e produtor dos Kassav), Luc Léandry (guitarista, baixista, baterista e interprete), Alex Alexis (vocalista). O momento mais alto da festa foi o da apresentação da estátua de Decimus, erguida à entrada da Casa como reconhecimento do tributo do artista para o surgimento e desenvolvimento do estilo.
A Casa do Zouk reservou alguns minutos na cerimónia para homenagear os artistas do zouk falecidos desde o surgimento desse estilo musical, destacando-se os nomes de Edith Lefel, Patrick St Loi, Camilo Domingos, Fernando Santos “Aiaia”, Oliver Ngoma, entre outros.  Os artistas brindaram os presentes com um concorrido show musical ao vivo, que contou com o suporte instrumental da banda angolana voga.
O zouk é um estilo musical que nasceu em Guadalupe (Antilhas francesas), por iniciativa do criador da banda Kassav, em 1979. Com o passar dos anos, este estilo passou a ser adoptado por vários músicos em África. Angola adaptou o zouk para variante que hoje é conhecida como kizomba, tendo  como pioneiro o músico Eduardo Paím.