Em Angola julgam-se presos políticos acusados de nenhum crime. Dizem que é um regime democrático que está em pleno gozo das suas funções. A corrupção está no pódio como grande vencedora. A miséria e a fome também. As potências democráticas fecham os olhos e apontam que assim é que é bom, que assim é que se faz a estabilidade em África. Eis a receita do terrorismo do qual a Europa não se consegue desenvencilhar. Quem apoia a corrupção e as suas ditaduras, no fundo também é terrorista sem o saber.

sábado, 18 de agosto de 2012

Quando está frio, queremos romance (ou filmes românticos)


Uma pesquisa ofereceu uma nova visão sobre o Dia dos Namorados: baixas temperaturas podem trazer o desejo de fazer um chamego… com um filme de romance.
Depois de questionar estudantes sobre filmes e verificar locações online, os cientistas encontraram evidências de que sentir frio ativa a necessidade de calor psicológico. E o que pode ser mais quente do que o amor?
“A pesquisa examinou a fisiologia do amor, documentada enquanto as pessoas estavam apaixonadas. Elas normalmente apresentaram mãos suadas, palpitações, respiração acelerada, fatores estes que também estão associados a experiência física do calor”, relatam os pesquisadores Jiewen Hong e Sun Yacheng.
Eles contam que o desejo de calor influencia a nossa preferência por filmes de romance.
Em uma série de experimentos, a dupla descobriu que a temperatura – que eles manipularam com chá quente ou com a temperatura ambiente dos quartos – afetou as preferências dos participantes para filmes. Com frio, os filmes de romance se tornaram mais atraentes. Eles descobriram que este efeito é independente do humor e do sexo, mas a descoberta não se aplica àqueles que não associam filmes de romance com aquela sensação quentinha.
Eles também encontraram relação entre baixas temperaturas e preferência para romances quando compararam a locação de filmes online e a temperatura no momento da locação.[LiveScience]